Gilberto Gil – Realce (1979)

R$40,00

Selo: WEA/Elektra

Segunda prensagem original com capa gatefold

Capa VG-/Disco G*

OBS: capa com marcas nas bordas e um adesivo do antigo dono no selo e na parte interna da capa gatefold, como pode observar nas imagens

Disco com marcas visíveis, mas toca muito bem! OBS: um buraquinho no meio da faixa 3B (recomenda-se não ouvi-la)

Fora de estoque

Descrição

“Realce” é um álbum de estúdio do cantor e compositor Gilberto Gil lançado oficialmente em 1979 pela WEA, com produção de Mazzola.

“Realce” fecha a trilogia dos discos “Re”, com Refazenda (1975) e Refavela (1977).

O álbum foi gravado em Los Angeles, aproveitando a turnê que o cantor faria pelos Estados Unidos. Lá, a banda de Gil se uniu a músicos locais, como Steve Lukather (Toto) na guitarra, Rick Schlosser (Van Morrison, Rod Stewart) na bateria, Michael Roddicker (Bee Gees, Quincy Jones) nos teclados e Jerry Hey (Michael Jackson, Earth, Wind and Fire) nos arranjos de metais.

Destaque para a faixa-título “Realce” com inspiração na disco Music, “Sarará Miolo” que Gil faz uma mistura de reggae com baião, além de “Não Chores Mais”, uma versão de “No Woman, No Cry” de Vincent Ford que fez sucesso mundial com Bob Marley & The Wailers.

Além dessas canções, o álbum trouxe a regravação do clássico de Dorival Caymmi “Marina” e um dos grandes sucessos da carreira de Gil “Toda Menina Baiana”.

Álbum gravado no exterior mas com a cara do Brasil, tanto na lírica quanto na sonoridade, que mescla diversos ritmos. Um dos álbuns mais comerciais de Gil, com participações de vários músicos e que gerou grandes sucessos. ⭐️⭐️⭐️⭐️⭐️

Informação adicional

Peso 250 g
Dimensões 35 × 35 × 5 cm

Você também pode gostar de…

Conversa via WhatsApp
0
    0
    Seu carrinho
    Seu carrinho está vazioRetornar para loja